Visite está empresa em Cascavel

Visite está empresa em Cascavel

segunda-feira, 17 de junho de 2013

COHAPAR E PREFEITURA DE MATELÂNDIA ENTREGAM MORADIAS RURAIS E ASSINA NOVOS CONTRATOS

Dona Valdomira com autoridades no recebimento da chave da casa popular habitação rural



O secretário estadual de Habitação e presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche, o superintendente da Caixa Econômica Federal, Luiz Carlos Formighari, e o prefeito de Matelândia, entregaram nesta sexta-feira (14) as chaves da casa nova para 10 famílias de pequenos produtores rurais (Banco da Terra) na Picada Beijamin. Além da entrega, foram assinados contratos para atender com moradia digna outras 71 famílias no loteamento próximo ao Cruzeirinho. "A entrega destas moradias representam a realização do sonho das famílias mas também a realização do sonho do governador Beto Richa, que quer levar moradias dignas às pessoas que muitas vezes passaram anos sonhando com esse dia. Estamos vivendo um momento diferente, em que todas as esferas de poder dão as mãos, pois temos um governador que entende que temos que unir esforços para resgatar a cidadania dos paranaenses", disse o Mounir Chaowiche. Luiz Carlos Formigari, superintendente regional da Caixa Econômica Federal, afirmou que a parceria com o governo do Paraná é fundamental para o bem estar da população. "Quando os agentes públicos trabalham juntos quem ganha é o povo brasileiro e aqui no Paraná temos muito êxito no nosso trabalho", destacou. O deputado federal Nelson Padovani disse que a Cohapar é muito atuante e que o governo do Estado está realmente preocupado com habitação. "A casa é a primeira coisa que uma família precisa, além de ser a realização de um sonho é a proteção da saúde das pessoas". O prefeito do município, Rineu Menoncin, afirmou que é muito importante para os municípios a parceria com o governo do Estado. “O governador Beto Richa e sua equipe desenvolvem um trabalho dinâmico em todo Paraná, mas a Cohapar com certeza é destaque. Uma das melhores secretarias do governo”, afirmou. Valdomira e Antônio Dias trabalharam muitos anos como boias-frias e nunca sonharam que depois de conseguir comprar um pequeno sítio ainda teriam uma casa própria de material. Quando adquiriram as terras foram morar em um barraco de lona e somente depois de alguns anos conseguiram erguer uma pequena casa de madeira. "A gente sofreu muito com o frio e com as chuvas, parecia que tudo ia despencar. Hoje estou no céu, não existe sonho maior. É um milagre ter a nossa terra e ainda mais com essa casa. Estou muito, mas muito feliz mesmo", disse Valdomira. "Agora já temos uma idade avançada e ficaria difícil construir uma casa, é um presente de Deus", contou Antônio. Leni de Oliveira Pereira mora com o marido e dois filhos em uma casa alugada em Matelândia, pela qual pagam mensalmente R$ 300. Ela disse que é a concretização de um sonho. "Somos casados há dez anos e sempre pagamos aluguel, agora poderemos ter a casa que sempre imaginamos, vamos arrumar do nosso jeito", disse. Os evento contou com a presença de representantes da Emater, Seab, representantes dos Deputados Estaduais Rose Litro, Sperafico e Elio Rusch.




Nenhum comentário:

Postar um comentário