terça-feira, 3 de março de 2015

Caminhoneiros mantêm bloqueios em estradas do país nesta terça

Apesar de a presidente Dilma Rousseff ter sancionado, sem vetos, a nova Lei dos Caminhoneiros na tarde desta segunda (2), que faz parte de acordo entre governo e categoria para o desbloqueio de rodovias no país, dois estados ainda mantêm interdições nas estradas nesta terça-feira (3): Rio Grande do Sul e Santa Catarina. No Paraná, há seis pontos de manifestação, mas sem bloqueio de rodovias.
No Distrito Federal, um grupo de caminhoneiros de vários estados ocupava, às 7h40 desta terça, o Estacionamento do Estádio Nacional de Brasília. A arena fica no centro da cidade e próximo à Esplanada dos Ministérios.
Uma nova reunião foi marcada entre caminhoneiros e empresários, com mediação do governo, para o dia 10 de março. O encontro servirá para que as duas partes cheguem a um acordo sobre uma tabela que calculará os novos preços dos fretes.
Em nota divulgada no domingo (1º), o governo federal afirmou que ampliará a presença de policiais nas estradas para assegurar o cumprimento de decisões judiciais que determinaram o desbloqueio de rodovias.
VEJA COMO ESTÁ A SITUAÇÃO EM CADA ESTADO ÀS 7H30:

Paraná
A terça-feira (3) amanheceu sem pontos de interdição nas rodovias federais e estaduais do Paraná. Os caminhoneiros que bloqueavam as rodovias federais entre a tarde e noite de segunda-feira (2) levaram os veículos para postos de combustíveis localizados na beira das estradas ou estacionaram em recuos.

No entanto, ainda há seis pontos onde caminhoneiros fazem algum tipo de manifestação. Nestes casos, conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os manifestantes obrigam caminhoneiros que não querem aderir ao movimento para os locais onde o protesto está concentrado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

REFIS EM MATELÂNDIA